Oitava Pítica, de Píndaro (trecho)

Píndaro, Oitava Pítica, vv 95-97.

ἐπάμεροι: τί δέ τις; τί δ᾽ οὔ τις; σκιᾶς ὄναρ
ἄνθρωπος. ἀλλ᾽ ὅταν αἴγλα διόσδοτος ἔλθῃ,
λαμπρὸν φέγγος ἔπεστιν ἀνδρῶν καὶ μείλιχος αἰών.

“Efêmeros! O que é alguém? O que não é alguém? O sonho de uma sombra,

isso é o homem! Mas quando o brilho do Sol dado por Zeus chega,

um esplendor radiante surge, ele torna-se forte e melodiosamente eterno.”

Tradução transcriativa por Beatris Ribeiro Gratti

Pitagóricos celebrando o surgimento do Sol, Fyodor Bronnikov, 1869.

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s